ACTIVIDADE FISICA PARA GANHAR MEMORIA E INTELIGENCIA: AS BONDADES DO FATOR NEUROTRÓFICO DERIVADO DO CÉREBRO (BDNF).

Lissette Espinoza Morales

Resumo


O corpo humano segrega diariamente uma substância chamada fator neurotrófico derivado que é responsável da ativação do hipotálamo (responsável da memória tanto longo e curto prazo). Os seres vivos podem aumentar a quantidade de fator neurotrófico derivado no cérebro secretada por dia praticando esportes, especificamente exercício rápido e intenso. Ao praticar este exercício em um tempo contínuo os níveis de cortisol aumentan (hormônio responsável pelo estresse), aumenta as sinapses neuronais, a síntese de glutamato (principal neurotransmissor excitatório do do sistema nervoso e diminui o GABA (o principal neurotransmissor inibidor). Gracas a todas as propriedades dadas fator neurotrófico como resultado se obtem uma diminuição nos níveis de stress, aumento da concentração, aumento de memória de curto e longo prazo, a plasticidade neuronal, sem deixar de falar do aumento nos níveis CI Para ver todo, o estudo acima foi realizado no Ginásio Greenland Fitness com um grupo estudo misto de 25 pessoas de 20 a 30 anos, que foi submetido a uma rotina de exercícios especiais e três testes de CI como resultado, foi observado que, sem excepção, todos os participantes aumentaram seu nível de CI e sua concentração pela rotina rápido e intenso de exercícios.

Palavras-chave


Factor neurotrófico derivado – inteligencia – plasticidade neural



Texto completo: PDF


Facebook Twitter LinkedIn

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

FIEP BULLETIN.

ISSN-0256-6419 – Impresso

ISSN 2412-2688 - Eletrônico

Fédération Internationale d’Education Physique - FIEP
fiepbulletin.net © 2007 - 2015.